Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

Marcelo: "Cumprirei o dever moral de pagar a Portugal o que Portugal me deu"

Outubro 10, 2015

adamirtorres

 

Marcelo Rebelo de Sousa declarou esta sexta-feira, em Celorico de Basto - onde tem raízes familiares e afectivas pelo lado paterno - que se candidata à Presidência da República “pelas portuguesas, pelos portugueses. Os de ontem. Os de hoje. Os de amanhã. Pelo Portugal de Sempre”. E para “pagar a dívida moral “ que tem para com Portugal, que lhe deu “educação, saúde e oportunidades de vida”.

Numa declaração feita ao final da tarde no auditório da Biblioteca Municipal de Celorico de Basto que tem o seu nome, Marcelo disse, que, “ao contrário da garantia de alguns de que faltaria à chamada, as portuguesas e os portugueses não podem dizer que fui à prova do voto, que me escondi atrás das minhas conveniências. E agora podem escolher. Entre começarmos hoje uma caminhada de meses, de angariação de assinaturas e, depois de campanha eleitoral. Ou iniciarmos, neste preciso instante, uma caminhada de cinco anos” - o horizonte do mandato presidencial.

Ler mais...

Marcelo: "Cumprirei o dever moral de pagar a Portugal o que Portugal me deu" - PÚBLICO


A segunda vida de António Costa

Outubro 07, 2015

adamirtorres

 

A morte política de António Costa é manifestamente exagerada – ele pode ter tido muito mais sorte na noite das eleições do que aquilo que parecia à primeira vista. PSD e CDS-PP ganharam votos suficientes para formar governo mas não os votos suficientes para dispensar o PS. Bloco e CDU ganharam votos suficientes para endurecer o discurso mas nada podem fazer sem o aval dos socialistas.

E estas posições podem muito bem permitir a um António Costa habilidoso aparecer como o fiel da balança da próxima legislatura, votando à direita quando tem de ser e à esquerda quando lhe apetece; colocando o fatinho pró-europeu para ir a Bruxelas com o PSD e com o CDS-PP, e a samarra anti-austeridade para se compungir ao lado do trabalhador arfante com o Bloco e com o PCP.

A segunda vida de António Costa - PÚBLICO


José Sócrates regressou para "tomar a palavra"

Março 28, 2013

adamirtorres

---------- Post ------------ #*/-->

 

 

---------- “XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX” ------------ #*/-->

Disse que não quer regressar à vida política activa, fez acusações duras de falta de lealdade a Cavaco Silva, defendeu a sua governação, repetiu que a ajuda internacional foi provocada pelo chumbo do PEC IV, acusou o actual Governo de ter ido além da troika e defendeu que o país precisa de parar com a austeridade. Foi esta a narrativa de José Sócrates, no seu regresso à vida mediática portuguesa após dois anos de silêncio.
Igual a si próprio, o antigo primeiro-ministro resistiu a admitir erros concretos. No início da entrevista à RTP disse que “só não comete erros quem não faz nada” e perto do final reconheceu que houve “muitos erros com certeza”. Um exemplo? “Talvez o erro mais visível. Nunca devia ter formado um Governo minoritário. Isso fragilizou muito a nossa actuação. Tínhamos que enfrentar um Parlamento hostil, uma oposição radicalizada e um Presidente da República que não foi nada imparcial”, disse Sócrates.
A entrevista começou com uma declaração ao que não vem. Voltar à televisão não é um trampolim para o regresso à política activa. “Não tenho nenhum plano para regressar à vida política activa”, disse José Sócrates, recusando ter o desejo ou o plano de ser candidato a qualquer cargo político.

---------- “Favor não mexer, obrigado” ------------ #*/-->
Fonte:Publico
José Sócrates acusa presidente da república de ter provocado crise política
 

 

---------- Barra Videos ------------ #*/-->
Mais Vídeos: Link 1 | link 2 | link 3 | link 4 | Link 5 | link 6 | link 7
---------- Fim Barra Videos ------------ #*/-->

Barack Oabama reeleito, Chicago festeja

Novembro 07, 2012

adamirtorres

Foto:SAUL LOEB/AFP

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, foi reeleito para mais quatro anos de mandato à frente dos EUA, após uma renhida disputa com o republicano Mitt Romney, de acordo com projeções das redes de televisão americanas, como a CNN e a CBS. Obama é o segundo presidente democrata a obter a reeleição desde a Segunda Guerra Mundial, depois de Bill Clinton.

Os próximos quatro anos não prometem ser mais fáceis para o democrata, até porque no Congresso o cenário mantém-se praticamente idêntico. Milhares de pessoas por todo o país explodiram de alegria quando as principais redes de televisão deram a vitória a Obama que fez história em 2008 ao ser o primeiro negro a ser eleito presidente dos Estados Unidos, sob o lema de mudança e esperança.


As principais medidas anunciadas por Vítor Gaspar

Setembro 12, 2012

adamirtorres


Mais sobre mim

foto do autor

Box

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Meus Blogs


 De Redundo para o Mundo
 Adamir Torres - Opinião
 Meu mundo, teu mundo
 Gatinhos Persa & Companhia
 BTT Bike Team
Santo Tirso Pastores
Facebook

Pinterest

Twitter

---------------------------------------------- #### #####
Topo

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D