Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

10 anos do euro

Dezembro 29, 2011

adamirtorres

Entre dezembro de 2001 e janeiro de 2002, todos os produtos de pastelaria aumentaram e até duplicaram de preço. Por exemplo era possível ver um pastel de nata passar de 50 escudos para 50 cêntimos”, recorda o secretário-geral da Deco, Jorge Morgado. Segundo o responsável pela associação, que há dez anos acompanhou o fenómeno da variação dos preços, “muitas das pequenas despesas, que custavam até 100 escudos (50 cêntimos), duplicaram”.

A informação é confirmada pelo proprietário do café portuense Majestic, Agostinho Barrias, que admite que o euro permitiu aumentar os preços. Dono de nove estabelecimentos comerciais no norte, lembra que no tempo do escudo um café rondava os 50 escudos (25 cêntimos) mas, com a chegada do euro, passou automaticamente para 50 cêntimos: “Houve alguns reajustamentos fora do normal. Os arredondamentos eram sempre para mais, mas depois os preços mantiveram-se durante muitos anos”.

Atualmente, diz Barrias, “a média do preço de um café ronda os 60 cêntimos no norte e em Lisboa os 70”. Ou seja, em dez anos, o café subiu cerca de 50 por cento, quase o dobro da inflação (que ronda os 26,5% nesta década).

Quem também lucrou com a mudança da moeda foram os empregados de restauração e até os arrumadores, que contavam com gorjetas para equilibrar o orçamento familiar. “As pessoas que antes davam 20 ou 50 escudos ao arrumador passaram a dar 50 cêntimos e deixar um ou dois euros de gorjeta num restaurante passou a ser normal', lembrou o responsável da Deco.

Mas o fim do escudo não significou carteiras mais vazias, segundo Jorge Morgado, que recorda que “nos primeiros anos não houve um índice inflacionista”: “Por exemplo, um quilo de maçãs, um quilo de carne ou de arroz não tiveram agravamentos substanciais. A roupa e calçado até ficaram mais baratos”.

 

Café aumentou 50% em dez anos

Há dez anos vivemos com o euro nas nossas carteiras

Escudo ainda é referência para mais velhos

 
Fonte: Sapo Notícias

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Sp. Braga faz história, parabéns II (Resumo)

Março 17, 2011

adamirtorres

Portugal viveu hoje uma noite histórica a ver apurarem-se para os quartos-de-final da Liga Europa as três equipas que estavam em prova e o Braga fez história dentro da história ao chegar pela primeira vez a esta fase de uma prova europeia.

 

A equipa de Domingos Paciência é a principal surpresa da jornada europeia e voltou a mostrar que fora de portas se agiganta. Hoje derrubou o colosso Liverpool, que mais não foi do que uma sombra de si próprio.

 

O Braga cedo mostrou que o resultado da primeira mão (vitória por 1-0) não tinha sido um acidente de percurso e pertenceram-lhe as primeiras iniciativas de jogo em Anfield Road. O Liverpool respondeu a partir dos primeiros 5 minutos, mas sempre de forma tímida e pouco preocupante para as intenções minhotas.

 



 

 



Dragão na Neve

Dezembro 02, 2010

adamirtorres

O FC Porto tem mostrado nestes últimos meses uma confiança extrema nas suas capacidades. É o resultado de êxitos que começam a ser contínuos. Seja em terrenos que mais parecem piscinas (como aconteceu em Coimbra), seja num recinto coberto de neve, que caiu de forma incessante durante o dia de hoje. É uma máquina em que tudo parece funcionar na perfeição. Para azar do Rapid, que encaixou a terceira derrota em casa (1-3) e viu os “dragões” confirmarem o primeiro lugar no Grupo L.

O treinador dos austríacos chegou a avançar com o rótulo de mini-Barcelona para catalogar o FC Porto. Salvaguardada a comparação, a verdade é que a formação portuguesa voltou a mostrar que sabe ser eficaz em qualquer palco, em qualquer terreno. Em Viena, pouco havia para ganhar (excepção feita à confirmação antecipada do primeiro lugar do grupo) e o 
manto de neve que cobriu o 
relvado do Ernst-Happel podia fazer perder muita coisa.

A Beto chegou-lhe o aquecimento para sofrer uma rotura e sair ao colo, Fernando também resistiu menos de um quarto de hora (entrou Guarín). Mas o técnico do FC Porto acredita na capacidade de adaptação dos jogadores às circunstâncias do jogo e não abdicou da maioria dos habituais titulares.
O Rapid Viena conseguiu, no início, aproveitar as condições pouco favoráveis para um adversário pouco habituado a um clima tão agreste. E teve o apoio incondicional de um público que encheu o estádio e que viu a equipa explorar os cerca de 20 minutos de aprendizagem do FC Porto.

Mas o tempo foi passando e os portistas começaram a encontrar o seu futebol, feito de posse de bola e dotado de passes precisos para criar oportunidades de remate. As diferenças entre os austríacos e os portugueses foram ficando evidentes. Restava a este Rapid, que não é uma boa equipa, a solidez e a tentativa de explorar os lances longos. Corria muito, mas sem se expor a demasiados riscos, atitude própria de uma equipa que sabe reconhecer a sua inferioridade perante o adversário. O que, de resto, se notava em toda a linha.

Ler mais...

 

Fonte: Publico



 

Sporting tentou mas Porto segue invicto (Resumo)

FC Porto vs SL Benfica - Descubra as diferenças

FC Porto – SL Benfica chega ao parlamento Suíço 

Best Cartoon FC Porto - Henricartoon

O líder FC Porto venceu, o Portimonense por 2-0 (Resumo)

FCP-SLB. E ao sétimo dia, Jesus inventou

Porto vs Benfica -Galinha no campo

O FC Porto quer, pode, manda e goleia 5-0 ( Resumo)

Rotatividade real - FCP

F.C. Porto-Besiktas, 1-1 (Resumo)

Os Dragões vencerão o Besiktas por 1-3 na Turquia



Jesus e os 3 Reis Magos

Novembro 25, 2010

adamirtorres

O Benfica entrou em posse de bola, em velocidade e superioridade técnica, mas deixou-se embebedar com a facilidade aparente do jogo e pagou a multa, logo depois, no teste do balão. Excesso de sobranceria! A facilidade com que as águias conseguiam jogar em cima da área adversária era acompanhada, ao mesmo tempo, por uma displicência que impedia de caprichar no último passe, ou no último remate, como se os jogadores acreditassem que o golo era questão de tempo. O golo apareceu, sim, mas na outra baliza, por Zahavi, devido à passividade de uma defesa que se deixou bater num lance de bola parada, com David Luiz ainda a ajudar ao desvio que traiu Roberto. Agora sim, o onze estava equilibrado: falhava dos dois lados.

Que este Benfica não está a ser o que se esperava na Liga dos Campeões, isso não é novidade, mas não poderia admitir-se a esta equipa assinar a sentença de morte numa casa que nunca tinha ganho um jogo sequer na prova milionária. Os encarnados tentaram reagir. Dentro da primeira parte e no único lance perfeito, Saviola atirou para a baliza, mas o árbitro apontou-lhe um fora-de-jogo inexistente. E assim a tragédia chegou ao intervalo: na Alemanha o Schalke ganhava 2-0 ao Lyon e isso significava que o campeão nacional estava fora da fase seguinte da Champions (o que até não é grande novidade, porque desde 1991/92 só seguiu em frente em duas ocasiões: 1994/95 e 2005/06).

Depois do descanso, Jorge Jesus foi ao banco de suplentes buscar Cardozo. Dois meses depois, aí estava o goleador paraguaio, lançado no campo ao lado Kardec porque o treinador do Benfica preferiu substituir Saviola - o argentino está metido em papéis inimagináveis há um ano... - e assim apostar no jogo directo. Estava definido o sentido da última metade: a bola a voar na área adversária e Jesus a rezar para que alguém fosse capaz de um desvio para a baliza, porque o empate, afinal, também dava a oportunidade de jogar o apuramento com o Schalke. Plano furado: Luisão, David Luiz e Kardec foram só os protagonistas das maiores oportunidades falhadas, especialmente este último, incapaz de fazer golo mesmo cabeceando sozinho dentro da pequena área - os golos desperdiçados são apenas mais um capítulo do jogo mal jogado.

Ler mais...

 

Fonte: Ionline





Mais sobre mim

foto do autor

Box

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Meus Blogs


 De Redundo para o Mundo
 Adamir Torres - Opinião
 Meu mundo, teu mundo
 Gatinhos Persa & Companhia
 BTT Bike Team
Santo Tirso Pastores
Facebook

Pinterest

Twitter

---------------------------------------------- #### #####
Topo

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D