Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

Água e saneamento

Março 19, 2011

adamirtorres

No local onde agora moro, não disponho ainda de água nem saneamento público, tive que mandar fazer um furo de captação, que licenciei devidamente no Ministério do Ambiente, também mandei construir uma fossa estanque para que não polui-se o ambiente.

Onde morava anteriormente já existem essas infra-estruturas o que é muito bom pois além de não termos de fazer poços nem fossas temos garantia de água de qualidade e pressão:

 

  Em Agosto de 2003 foi criada a AGS Paços de Ferreira, um ano mais tarde iniciaram os trabalhos de infra-estruturação, com um investimento de 70 milhões de euros para cobrir todo o concelho com água e saneamento.

 

No início de 2009 a AGS já tinha executado 13.000 metros lineares de condutas adutoras e 20 mil de condutas distribuidoras, o que fez com que aumentasse em 15.2% a cobertura do concelho e fez com que a rede de água abrangesse um universo de 3.000 habitantes.

 

O concelho de Paços de ferreira conta neste momento com uma cobertura de saneamento na ordem dos 44.7%, o que representa uma cobertura adicional de 5.700 em relação a 2003. Neste momento quase todo o concelho está coberto com água e saneamento, falta apenas parte de Eiriz e Sanfins, prevê-se que o concelho esteja totalmente coberto em 2011.

 

No começo a AGS começou por aplicar tarifas muito elevadas pela aplicação dos serviços de água e saneamento, mas entretanto, por protocolo feito com a câmara Municipal acertaram novos valores e aboliram as taxas de ligação.

 

Quando fiz o meu poço mandei analisar a água e o resultado foi que era própria para consumo, caso contrário teria que comprar água para beber e cozinhar o que ficaria muito mais dispendioso do que se tivesse à minha disposição água da rede, já que um garrafão custa em média 90 cêntimos e necessitaria comprar 200 garrafões e transportá-los para minha casa para ter 1m3 de água que poderia ter da rede por 63 cêntimos.



Armindo Araújo prepara-se para a estreia oficial do Mini

Março 16, 2011

adamirtorres

A poucos dias para que se concretize a estreia oficial do novo Mini John Cooper Works (designação do carro que utilizará no Rali de Portugal), Armindo Araújo está a preparar com todo o cuidado o arranque do seu projecto WRC 2011 e até à próxima quinta-feira, dia que marcará o arranque do Rali de Portugal, o bicampeão do Mundo de Ralis Produção terá longas horas de trabalho pela frente.

 

«Eu e o Mike Zotos, o Engenheiro responsável pela minha equipa, vamos inteirar-nos de todos os detalhes ligados à conclusão da montagem do Mini para que, amanhã, possa efectuar um teste com o carro numa pista da Prodrive situada em Birmingham. Vai ser o meu primeiro contacto com o Mini John Cooper Works que estrearei em Portugal», começa por dizer o piloto português.

 

Fonte: Sapo Desporto



Armindo Araújo vai defender cores da MINI no WRC em 2011

Fevereiro 16, 2011

adamirtorres

Após quatro anos e dois títulos absolutos no Campeonato do Mundo de Ralis Produção, Armindo Araújo conseguiu garantir os apoios necessários para dar o tão desejado e esperado salto para a categoria máxima dos ralis mundiais.

 

Pela primeira vez, Portugal vai ter um representante no WRC e a MINI foi a marca escolhida pelo piloto de Santo Tirso para esta nova fase da sua carreira.

 

«Antes de mais queria deixar uma palavra de apreço à Mitsubishi, marca que representei nos últimos sete anos e com a qual consegui as maiores conquistas da minha carreira. Obrigado por terem acreditado, tal como eu, num projecto ganhador», começou por dizer Armindo Araújo que parte agora para um novo e ambicioso desafio.

 

Fonte: Sapo Desporto

Apreensão de 4 930 maços de tabaco - Santo Tirso

Janeiro 31, 2011

adamirtorres

O Destacamento de Acção Fiscal do Porto apreendeu hoje (dia 31), em Santo Tirso, 4 930 maços de tabaco sem estampilha fiscal, por crime de venda, circulação ou ocultação de produtos contrafeitos, e deteve dois indivíduos.
Os militares apreenderam ainda uma viatura ligeira de mercadorias, cinco sacos de viagem e uma mochila.

A mercadoria tem um valor presumível de 18 579 euros.

Os indivíduos, um cidadão estrangeiro e outro português, por ordem da Procuradora de Turno, foram restituídos à liberdade, tendo-lhes sido aplicado Termo de Identidade e Residência.

 

Fonte: GNR


 


Sabia que: O Rio Leça nasce em Redundo - Santo Tirso

Janeiro 08, 2011

adamirtorres

 

 

Rio que nasce no Monte de Santa Luzia, acima do lugar de Redundo, no concelho de Santo Tirso, a uma altitude aproximada de 420 m, percorrendo 48 quilómetros até à foz, no oceano Atlântico, junto ao porto de Leixões. A bacia hidrográfica do rio Leça tem uma forma alongada e estreita com direcção predominante de nordeste-sudoeste e é limitada, a norte, pela bacia hidrográfica do rio Ave e, a este e sul, pela bacia hidrográfica do rio Douro. A bacia hidrográfica do rio Leça tem uma área de cerca de 185 km2 mas o seu Plano de Bacia Hidrográfica tem uma área total de 235 km2 pois compreende ainda duas faixas costeiras que drenam directamente para o oceano: uma a norte da foz do rio Leça, englobando grande parte do concelho de Matosinhos, numa área de 26 km2; e outra a sul, englobando parte do concelho do Porto, numa área de 24 km2. O escoamento anual na foz do rio Leça é, em média, de 107 hm3; o afluente que mais contribui para este escoamento é a ribeira do Arquinho, com 13,3 hm3. A bacia hidrográfica do rio Leça não apresenta disponibilidades de recursos hídricos regularizados.

 

Fonte:Infopedia.pt

Armindo Araújo é bi-campeão do Mundo de Ralis

Novembro 15, 2010

adamirtorres

Apesar de uma prova não isenta de problemas, Armindo Araújo foi inteligente e não arriscando um milímetro viu Patrick Flodin, seu maior rival, ter problemas e entregar-lhe de bandeja o segundo título consecutivo no Mundial de Ralis Produção. O piloto de Santo Tirso é assim o primeiro bi-campeão mundial português e no agrupamento de Produção.

 

Ao volante do Mitsubishi Lancer Evo X preparado pela Ralliart Itália, Armindo Araújo cumpriu a sua missão e ganhou o Campeonato Mundial de Produção (PWRC) pela segunda vez consecutiva. Uma prova muito calculista por parte do piloto de Santo Tirso que rendeu dividendos. Longe do primeiro lugar, Armindo limitou-se a controlar Patrick Flodin. Com este a atacar, como lhe competia, surgiram os problemas, chegando mesmo Flodin a abandonar regressando depois no sistema “SuperRally” mas sem qualquer possibilidade de colocar em causa o título de Armindo Araújo.

Mesmo assim, pelo caminho, o piloto da Mitsubishi ainda sentiu problemas com o turbo, escape e transmissão do Lancer, mas tudo resolvido a contento do piloto nacional que assim chegou ao final da prova como bi-campeão Mundial de Ralis Produção.

Contas feitas, Armindo Araújo e Miguel Ramalho levaram o seu Mitsubishi Lancer Evo X ao segundo lugar do agrupamento de Produção, terminando todas as corridas em que participou no pódio, o que é verdadeiramente impressionante. São também os primeiros bi-campeões do Mundo de Produção. Um palmarés impressionante ara um piloto que começou há nove anos a sua carreira e já conquistou 11 títulos, entre eles, 4 títulos de campeão nacional de ralis.

 

Fonte:AutoSapo

 


 

Rali Capital do Móvel 01 (Fotos)

Lamborghini Sesto Elemento

Trial 2010

Rampa Capital do Móvel 01 (Fotos)

Cataratas em Valinhas - Santo Tirso

Castro do Padrão - Santo Tirso

Rally Santo Thyrso 2010



Santo Tirso acaba de aderir à Associação Internacional das Cidades Educadoras

Outubro 14, 2010

adamirtorres

A Câmara Municipal de Santo Tirso acaba de aderir à Associação Internacional das Cidades Educadoras (AICE), uma associação de governos locais sem fins lucrativos que integra 429 municípios de 35 países do Mundo (16 da Europa, 11 da América, cinco de África, e três da Ásia).

Santo Tirso decidiu aderir a esta associação que se compromete a construir - pelo desenvolvimento intencional e coordenado de políticas de formação e integração de todos os seus habitantes - cidades mais educadoras, igualitárias, pacíficas e solidárias.

É apontando nesse sentido que a Câmara Municipal de Santo Tirso tem vindo a adoptar em áreas tão distintas como a Cultura, a Educação, a Acção Social, o Urbanismo, o Ambiente, o Turismo, o Desporto e a Saúde, políticas que tornem o Município mais igualitário e solidário.

Iniciativas como o Programa Eco-Escolas; o Projecto TTI (em parceria com a Escola Secundária Tomaz Pelayo); o Programa de Ocupação Jovem; a Integração da Comunidade Cigana e o Programa Municipal de Realojamento; o Centro de Novas Oportunidades; a Rede de Oferta Educativa; a Formação e Integração dos Jovens Deficientes no NAID; a Universidade Sénior e a “A poesia está na rua”, são bons exemplos daquilo que afirmamos.

O AICE surgiu, em 1990, como o movimento das Cidades Educadoras e cujo objectivo era trabalhar conjuntamente em projectos e actividades de forma a melhorar a qualidade de vida dos seus habitantes. Só mais tarde este movimento adquiriu forma jurídica com a criação da Associação Internacional de Cidades Educadoras.

Sendo a Educação um tema central nas sociedades de hoje, os municípios integrantes assumiram o compromisso de, através das suas políticas, fomentar a participação e o envolvimento de todos (democracia participativa e solidária). Ser cidade educadora é um compromisso de todos (municípios, sociedade civil pública e privada) na construção de uma cidade mais educadora, cidadã, democrática e solidária, que entende o seu empenhamento e intervenção na Educação de todos ao longo da vida.


Fonte: Santo Tirso Digital


Escavações arqueológicas no Monte Padrão – Santo Tirso

Julho 27, 2010

adamirtorres

 

 

O Gabinete Municipal de Arqueologia de Santo Tirso está  a dar continuidade às escavações arqueológicas no Monte Padrão, Freguesia de Monte Córdova, Concelho de Santo Tirso, trabalhos que se prolongam, ininterruptamente, desde 1990.  

Durante este mês e o próximo, Julho e Agosto, respectivamente, este projecto de investigação está a ser desenvolvido na vertente da face leste do Castro com o objectivo de documentar o sistema defensivo e estruturas complementares e respectiva evolução crono-estratigráfica. Os trabalhos contam com a colaboração de quatro alunos do curso de Assistente de Arqueologia da Escola Profissional de Arqueologia do Marco de Canaveses sob coordenação de Álvaro Moreira, o responsável científico por este projecto financiado na totalidade pela Câmara Municipal de Santo Tirso. 

Em paralelo, têm vindo a desenvolver-se acções de manutenção, conservação e musealização do Castro, simultaneamente, com actividades de carácter pedagógico implementadas no Centro Interpretativo do Monte Padrão (CIMP). Exemplo disso é a exposição “A mulher romana nas moedas do Museu de Vila Real”, patente no CIMP até ao dia 12 de Setembro de 2010. 

Classificado como Monumento Nacional desde 1910, o Castro de Monte Padrão foi escavado pela primeira vez na década de 50 do século passado, por Carlos Faya Santarém. Em 1986 a Câmara Municipal de Santo Tirso deu início a um conjunto de acções com o propósito de promover a protecção, estudo e valorização da estação arqueológica. Para garantir o apoio sustentável às actividades relacionadas com o Castro do Monte Padrão – seja o desenvolvimento disciplinar da Arqueologia no âmbito da gestão do recinto de que as ruínas são o núcleo fundamental, seja a divulgação dessa memória arqueológica junto da comunidade – a Câmara Municipal inaugurou em Abril de 2008, o Centro Interpretativo de Monte Padrão (CIMP), equipamento cultural construído de raiz e no qual foram investidos mais de 500 mil euros.



Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Meus Blogs


 De Redundo para o Mundo
 Adamir Torres - Opinião
 Meu mundo, teu mundo
 Gatinhos Persa & Companhia
 BTT Bike Team
Santo Tirso Pastores

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub