Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

Portugal 2 - Holanda 1 (Resumo) #euro2012

Junho 18, 2012

adamirtorres

Paulo Bento não podia pedir mais. Na mesma noite, com os astros devidamente alinhados, resolveu dois problemas de uma assentada: o apuramento para os quartos-de-final do Euro 2012 (2-1) e a alergia de Cristiano Ronaldo aos golos. Com a Holanda, absolutamente irreconhecível, a funcionar como anti-histamínico, Portugal foi eliminando sintomas e ficando imune à má sorte. E nem o empate no Alemanha-Dinamarca ao intervalo terá chegado a provocar falta de ar.

 

Quando, aos 11’, Rafael van der Vaart arrancou aquele remate de gente grande de fora da área, a tradição pareceu tremer. A tradição que dizia que Portugal entrava no jogo com um total de seis vitórias, três empates e apenas uma derrota frente à Holanda no seu historial. O adversário, que tanto se queixara da falta de eficácia, marcava no primeiro pontapé que fazia à baliza e ficava a um golo apenas do apuramento.

Nos minutos seguintes, porém, percebeu-se que esse golo estava tão distante como os dois estádios onde se decidia o destino do Grupo B. Em vez de aproveitarem a onda de entusiasmo, os holandeses deixaram de circular a bola, deixaram que Portugal entrasse no meio-campo e começasse a pressionar na primeira fase de construção. Resultado: demasiados erros e muitos calafrios. Hélder Postiga não aproveitou o maior deles (na sequência de um brinde da defesa atirou ao lado). Tudo normal.

Chegou o minuto 27 e, com ele, quebrou-se o gelo e derreteu uma das dúvidas laterais deste Europeu, que consistia em saber quando é que Cristiano Ronaldo ia encontrar a baliza. Assistência magistral de João Pereira e conclusão fácil do capitão, que se tornou no primeiro jogador português a marcar em cinco torneios consecutivos (Euro 2004, Mundial 2006, Euro 2008, Mundial 2010 e Euro 2012). Como se não bastasse, aquele remate na cara de Stekelenburg permitiu-lhe ultrapassar Figo no terceiro lugar da galeria dos melhores marcadores de Portugal, agora com 33 golos.

 

Ficha de jogo:
Portugal: Rui Patrício; João Pereira, Bruno Alves, Pepe, Fábio Coentrão; Miguel Veloso, Raul Meireles (Custódio 72’), João Moutinho; Nani (Rolando 87’), Cristiano Ronaldo, Postiga (Nélson Oliveira, 64’).
Holanda: Maarten Stekelenburg; Gregory van der Wiel, Ron Vlaar, Joris Mathijsen, Jetro Willems (Afellay 68’); Rafael van der Vaart, Nigel de Jong, Wesley Sneijder, Arjen Robben; Klaas-Jan Huntelaar, Robin van Persie.Acção disciplinar: cartão amarelo para Willems (51'), Van Persie (69)', João Pereira (90+2').

 

Ler artigo Completo:

Ronaldo dividiu com a Alemanha o custo do voo para Varsóvia(Publico)

 


Esta laranja era só casca! Venham os checos!

Junho 17, 2012

adamirtorres

Portugal já alcançou o primeiro objetivo a que se propôs no Euro2012. Este domingo venceu a Holanda por 2-1 e qualificou-se para os quartos de final da prova ao garantir o segundo lugar do Grupo B, já que a Alemanha também bateu a Dinamarca por 2-1 e somou 9 pontos nos três jogos da fase de grupos.
A Holanda entrou melhor no jogo. O meio-campo holandês carburou melhor nos primeiros minutos e o resultado viu-se logo aos 11 minutos. Bert van Marwijk apostou em Van der Vaart e o médio deu-lhe razão. A defesa portuguesa deu espaço a Robben e este meteu a bola no médio do Tottenham, que com campo aberto disparou sem hipóteses para Rui Patrício.
Mas Portugal não tremeu. Pelo contrário. O golo despertou os portugueses e aquilo a que se assistiu a seguir foi a uma avalanche de futebol de ataque de Portugal pelo intérprete que os portugueses mais desejavam: Cristiano Ronaldo.
O avançado despedaçou a defesa laranja e começou a colecionar oportunidades de golo, com Postiga também a entrar na lista de desperdício.
Aos 15’, Moutinho lançou Ronaldo na esquerda e depois de vir para o meio, o avançado português disparou ao poste. Aos 17’, Postiga também não conseguiu. Van der Wiel meteu-lhe a bola nos pés, mas o avançado atrapalhou-se na altura do remate, que saiu frouxo. Ronaldo voltou à carga e depois de cruzamento de Nani subiu ao primeiro andar para rematar de cabeça. Stekelenburg defendeu como pôde.
Holanda nem vê-la… e Cristiano Ronaldo calou definitivamente os críticos. João Pereira colou a bola ao pé e num passe soberbo deixou o capitão na cara do golo. Desta vez não houve misericórdia e Ronaldo fez o primeiro do Europeu.

Ler artigo completo:

Esta laranja era só casca! Venham os checos! - SAPO Desporto


Ninguém tira a Grécia do Euro, nem a República Checa #euro2012

Junho 17, 2012

adamirtorres

Ninguém tira a Grécia deste Euro, nem os Checos. Ponto final. A Grécia venceu a Rússia por 1x0, enquanto que a a República Checa venceu a Polónia por igual resultado. A Rússia passou de grande esperança a equipa eliminada, enquanto que os polacos choram o afastamento do Euro, em sua casa.

Polónia dá o palco, checos fazem a festa

Foi um jogo muito pobre em termos de espectáculo para o qual em muito contribuiu a postura defensiva de ambas as equipas, em vários períodos do jogo em Wroclaw. Valeu o golo de Jiracek, aos 72 minutos. Ele mesmo, o checo que tinha dito que a Polónia era candidata «ao título», marcou o golo que afasta os polacos da próxima fase.

A Polónia com um esquema que privilegiou o ataque apoiado, não soube aproveitar as debilidades na construção de jogo dos checos, que tinham nos seus
médios ofensivos as suas melhores unidades.Aos oito minutos, o polaco Kuba conseguiu fugir dentro da área e quando ia rematar permitiu a «mancha» a Petr Cech. Dois minutos depois foi a vez de Robert Lewandowski que teve uma grande ocasião de golo. Plasil perdeu a bola em zona proibida e o avançado do Borussia Dortmund, de pé esquerdo, atirou ao lado.Daí em diante o jogo passou por várias fases onde se assistiu a alguns passes errados de ambos os lados. O ritmo, esse, foi caindo com o avançar dos minutos.

Ler artigo completo:

Ninguém tira a Grécia do Euro, nem a República Checa :: zerozero.pt

 


Portugal vs Holanda - #euro2012

Junho 16, 2012

adamirtorres

A vitória da Alemanha no jogo com a Holanda é provavelmente o resultado que melhor serve os nossos interesses. Caso a Alemanha não perca com a Dinamarca, bastará o empate para Portugal se apurar. Claro que é tudo possível. Podemos perder e ser apurados e podemos até ganhar , fazer 6 pontos, e mesmo assim ficarmos de fora. Daí que os golos com a Dinamarca fossem importantes. Pena o desperdício da vantagem de dois golos.

 



França bem encaminhada para os «quartos» 2-0 (Resumo) #euro2012

Junho 15, 2012

adamirtorres

Está desfeita a malapata da França em fases finais de grandes competições. Até hoje, a última vitória dos gauleses na fase final de uma grande competição tinha sido contra Portugal, no Campeonato do Mundo de 2006, mas a Ucrânia é a vítima mais recente.
Numa partida marcada pela interrupção a que foi sujeita durante largos minutos devido ao mau tempo, a França conquistou os três pontos com golos apontados na segunda parte, estancando dessa forma com as oportunidades de perigo que os ucranianos iam tendo a espaços no encontro.
Após uma primeira parte em que a França começou melhor o encontro, mas não se livrou de alguns sustos provocados pelo ataque da Ucrânia, a seleção orientada por Laurent Blanc demonstrou eficácia na etapa complementar e em apenas três minutos construiu o triunfo.
Jérémy Menez, aos 53 minutos, bateu o guarda-redes Andriy Pyatov pela primeira vez, pertencendo a Yohan Cabaye, apenas três minutos minutos depois, o golo que confirmou a conquista dos três pontos, algo que num Campeonato da Europa já não acontecia desde 21 de junho de 2004, quando nessa data derrotou a Suíça por 3x1.

Ler artigo completo:

França bem encaminhada para os «quartos» (2x0) :: zerozero.pt

 


Festa do golo caiu para o lado da Inglaterra (Resumo) #euro2012

Junho 15, 2012

adamirtorres

A Inglaterra colocou a Suécia fora do Euro2012 ao vencer os nórdicos por 3-2 em jogo da segunda jornada do Grupo D. Com duas derrotas, a equipa sueca já não tem a possibilidade de se qualificar para os quartos de final, mas esta noite chegou a assustar os ingleses.
Com as duas equipas a precisarem de pontos para não deixar fugir o apuramento para os quartos de final, o jogo começou tímido e com a Inglaterra a fazer as despesas do jogo. Partida desinteressante na primeira metade e em que um dos poucos motivos de interesse acabou por ser o golo inglês.
Aos 23’, um cruzamento teleguiado de Gerrard só parou na cabeça de Andy Carroll, que à entrada da área subiu ao primeiro andar e, entre os centrais suecos, fuzilou Isaksson.
Sempre tímida, a reação sueca apoiava-se demasiado num desinspirado, e por vezes displicente, Ibrahimovic, e assim Joe Hart teve uns primeiros 45 minutos descansados.

Ler artigo completo:

Festa do golo caiu para o lado da Inglaterra - SAPO Desporto

 


Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Meus Blogs


 De Redundo para o Mundo
 Adamir Torres - Opinião
 Meu mundo, teu mundo
 Gatinhos Persa & Companhia
 BTT Bike Team
Santo Tirso Pastores

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub