Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

«Homem-Aranha»: «Peter Parker sempre foi um reflexo do mundo»

Julho 07, 2012

adamirtorres

Depois de Batman e James Bond, chegou a vez do Homem-Aranha ver a sua origem recontada no cinema, com uma nova abordagem, um novo realizador e novos atores. Marc Webb, que se estreara no cinema com o filme independente «(500) Dias com Verão», estreia-se nos «blockbusters» com esta adaptação do herói das Marvel, com Andrew Garfield como Peter Parker (o Homem-Aranha) e Emma Stone como a sua namorada Gwen Stacy. Por trás de tudo continua Avi Arad, o produtor da maioria dos filmes da Marvel, agora a trabalhar com Matt Tolmach.

A ideia de voltar ao início

Avi Arad (AA): O Homem-Aranha tem 50 anos de BD e há imensas histórias para contar. Logo a seguir ao «Homem-Aranha 3» nós tivemos vontade de abordar uma parcela da história do Homem-Aranha que ainda não tinha sido contada no cinema, que era a da perda dos pais de Peter Parker, mas que não encaixava na primeira trilogia, realizada pelo Sam Raimi. Na verdade é isso que define, em primeiro lugar, a identidade do Peter, sendo que logo a seguir vem a morte do tio Ben e o sentido de responsabilidade que isso lhe traz. Mas aquilo que o levou a ser um tipo solitário e que vive cheio de dúvidas foi o desaparecimento dos pais.

Matt Tolmach (MT): E classicamente, o início das grandes histórias envolve o protagonista a procurar as suas origens, a perceber qual é o seu lugar no mundo. A trilogia do Sam Raimi já tinha feito o seu percurso, e de forma excelente, mas ele próprio disse claramente que já tinha contado a sua história e era altura dele seguir noutra direção. E na BD as origens são recontadas várias vezes, são atualizadas para cada nova geração. O mundo muito nos últimos 10 anos, desde que estreou o «Homem-Aranha» inicial, por isso para os jovens as referências são todas diferentes. A noção icónica do «geek» mudou, antes o «geek» levava tareia, hoje o «geek» inventa o Facebook. O Peter Parker sempre foi um reflexo do mundo em seu redor e isso tinha de ser levado em linha de conta.

Ler artigo completo:

«Homem-Aranha»: «Peter Parker sempre foi um reflexo do mundo» - Magazine - SAPO Cinema


Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Meus Blogs


 De Redundo para o Mundo
 Adamir Torres - Opinião
 Meu mundo, teu mundo
 Gatinhos Persa & Companhia
 BTT Bike Team
Santo Tirso Pastores

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub