Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

De Redundo para o Mundo

Um olhar sobre o mundo das notícias

Desmantelamento de Fukushima vai demorar 40 anos

O governo japonês apresentou, esta quarta-feira, um novo plano de trabalhos para a central nuclear de Fukushima, prevendo que o desmantelamento demore cerca de 40 anos, atendendo à gravidade do desastre e necessidade de novas técnicas para resolver o problema.

 

"O trabalho será feito em diversas etapas", explicou Goshi Hosono, ministro do ambiente e encarregado do acidente, durante uma conferência de imprensa.

 

A remoção do combustível dos tanques de arrefecimento deverá ser iniciada em dois anos e prolongar-se-á durante vários anos, durante os quais serão igualmente reforçados os sistemas de arrefecimento para os reactores e tanques, além de outras instalações.

 

A extracção do combustível fundido nos reactores 1 a 3 será implementada em dez anos, e vai durar mais de duas décadas.

 

Em ambos os casos serão necessárias novas técnicas, sublinhou Goshi Hosono.

Fonte:http://www.jn.pt/paginainicial/

 


Ronaldo respondeu esta noite, com três golos (Resumo)

A derrota no clássico com o FC Barcelona tinha deixado os adeptos do Real Madrid descontentes com Cristiano Ronaldo. O português respondeu esta noite, com três dos seis golos da goleada do Real Madrid em Sevilha por 2x6.

O internacional português abriu a contagem aos 10 minutos de jogo, assistido por Di Maria. José Callejón, cada vez mais aposta de Mourinho, fez o segundo antes de Cristiano Ronaldo «bisar», aos 41 minutos e colocar os merengues a vencer por 0x3 ao intervalo.

No segundo tempo, Di Maria fez o 0x4, com Jesus Navas a reduzir para o Sevilla aos 69'. No entanto, Ronaldo iria transformar uma grande penalidade, aos 85 minutos, fazendo o hat-trick no encontro.

 

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Vítor Pereira «Porto está a subir de rendimento»

 

Vítor Pereira assume que foi um jogo «de muito sofrimento», mas que a vitória é merecida e que os golos podiam ter sido muitos mais.

«Criamos variadíssimas situações de golo. Fizemos dois, mas podíamos ter feito muitos mais», disse no flash interview da TVI, acrescentando que «há jogos em que em três situação se marcam três golos, outros em que são precisas sete para fazer um», referindo que foi esse o caso hoje.

O técnico considerou que este FC Porto «começa a satisfazer em termos de comportamento» e não avança sobre qualquer contratação para o mercado de janeiro.

«É com eles [os jogadores que tem] que conto para lutar. Mas vamos avaliar, vamos ver se é preciso ajustamentos», frisou.

 

 

Pedro Martins, técnico do Marítimo, admitiu que a equipa esteve «à imagem» do que tem feito neste campeonato, com a primeira parte a ser decisiva.

«Analisando friamente, nós não estivemos bem na primeira parte. Não conseguimos circular, fazer pressão como normalmente fazemos. Tivemos muitas dificuldades, jogámos sempre distantes da baliza adversária. Depois, com a expulsão, foi ainda mais complicado. Mas gostei da resposta da equipa depois da expulsão. Na segunda parte não conseguimos sair em transição, porque o FC Porto foi mais forte», disse após o jogo, acrescentando: «Não tivemos a imagem que normalmente temos. A responsabilidade é minha».

Siga-nos também nas redes sociais :


Meter o Turbo rumo a Vitoria (FC Porto 2-0 Marítimo Resumo)

O FC Porto venceu, este sábado, o Marítimo por 2-0, com golo de Cristian Rodríguez e auto-golo de Briguel, em jogo da 13.ª jornada da I Liga, disputado no Estádio do Dragão. À semelhança do que sucede na noite de Natal, a família portista teve de esperar até à última pelos presentes, ou seja, os golos da vitória.
A primeira parte do encontro foi completamente dominada pelo FC Porto, com Belluschi a ser o primeiro a ameaçar as redes defendidas por Peçanha.
Perto do intervalo, o Marítimo ficou reduzido a dez jogadores depois da expulsão de Roberge, que viu o segundo amarelo, e consequente cartão vermelho.
O segundo tempo, já com Kléber no lugar de James no campo, contou novamente com uma entrada forte dos portistas mas o caminho para o golo teimava em não aparecer. Vítor Pereira, decidido a terminar o ano 2011 em primeiro lugar, apostou em tudo com a saída do defesa Maicon e entrada do avançado Cristian Rodríguez.
Numa altura em que o FC Porto praticamente morava no campo do Marítimo, enquanto este se limitava a defender e a (tentar) surpreender com contra-ataques, o treinador portista apostou na entrada do jovem avançado Iturbe para o lugar de Djalma.
Os golos portistas surgiram nos últimos 10 minutos do desafio, com Cristian Rodríguez a marcar aos 81 e, três minutos mais tarde, Briguel a marcar na própria baliza, confirmando a vitória do FC Porto para um Natal portista mais alegre.

Terminado o encontro, FC Porto termina 2011 na primeira posição com 33 pontos, os mesmos que o Benfica. Já a equipa da Madeira mantém a quinta posição mas pode ver o Sporting de Braga aumentar terreno para os lugares da frente.
POSITIVO
Peçanha
O guarda-redes do Marítimo realizou uma exibição notável. Defendeu quase tudo o que havia para defender e foi muito. Peçanha foi um dos grandes responsáveis pelo resultado.
João Moutinho
O pequeno médio é um dos grandes responsáveis pela subida de forma deste FC Porto. Os seus passes e a organização que coloca no meio-campo mereciam outra correspondência pelos seus colegas do ataque.

NEGATIVO
Roberge
Em menos de um minuto conseguiu ver dois cartões amarelos, o que não é fácil. O segundo dos quais devido a uma entrada sobre James que no intervalo teve de ficar no balneário.
Ataque do FC Porto
Tanta falta de pontaria custa caro, muito caro. Um dos exemplos foi a queda perante o Zenit na Liga dos Campeões. E ontem poderia ter custado mais dois pontos.

Ficha de Jogo
FC Porto, 2
Marítimo, 0

Jogo no Estádio do Dragão, no Porto.
Assistência 32.312 espectadores.

FC Porto Helton, Maicon (Cristian Rodríguez, 57’), Rolando, Otamendi, Álvaro Pereira, Fernando, João Moutinho, Belluschi, Hulk, James (Kléber, 46’) e Djalma (Iturbe, 75’). Treinador Vítor Pereira.
Marítimo Peçanha, Briguel, João Guilherme, Igor Rossi, Luís Olim, Roberge, João Luíz, Benachour (Tchô, 90’+1’), Heldon (Danilo Dias, 63’), Sami (Hassan, 85’) e Baba. Treinador Pedro Martins.

Árbitro Duarte Gomes, de Lisboa. Amarelos Fernando (36’), Heldon (38’), Roberge (40’ e 41’) e Iturbe (86’). Vermelho Roberge (41’).
Golos 1-0, por Cristian Rodríguez, aos 80’; 2-0, por Otamendi, aos 83’
 
 

Siga-nos também nas redes sociais :


Madagáscar 3 nos cinema em 2012

 

A bicharada da série «Madagáscar» vai voltar ao grande ecrã em 2012 em «Madagascar 3: Europe's Most Wanted», em que os célebres animais viajam pelas principais cidades da Europa e cujo primeiro trailer acaba de chegar à internet.

O leão Alex, a zebra Marty, a hipopótamo Gloria e a girafa Melman preparam-se para regressar a Nova Iorque após fugirem de África. Dependentes dos conhecimentos mecânicos dos macacos, o plano inevitavelmente dá para o torto e eles vêem-se perdidos em Monte Carlo, onde tentam fugir dos controlos de animais da Europa juntando-se a um circo ambulante, liderado pelo tigre Vitali. Segue-se uma visita a várias cidades da Europa que culmina no coração de Londres, com o quarteto a tentar ajudar os animais do circo a redescobrir a sua paixão pelo maior espetáculo do mundo.

Fonte:http://cinema.sapo.pt/

 

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Pudim de ovos

12 gemas

1 clara

700 de leite

400 gr de açúcar

1 colher de chã de maizena

1 cálice de vinho do porto

 

(não pode usar a batedeira)

 

- mexem-se os ovos com o açúcar

- vai-se acrescentando o leito aos poucos

- desfaz-se a maizena no vinho do porto e junta-se tudo

 

- põe-se 200 gr de açúcar a queimar e deitam-se na forma de pudim

- deita-se a mistura e leva-se ao forno em banho Maria

- coze durante 1 hora

 

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Ovos-moles

- 250 ml de água

- 250 gr. de açúcar

- 12 gemas

 

- por um tacho ao lume com o açúcar e a água

- quando estiver em creme liquido (antes do ponto de pérola), tira-se do lume e deixa-se arrefecer um pouco

- batem-se as gemas

- entretanto deita-se aos pouquinhos o açúcar no recipiente que contem as gemas, (nunca ao contrário senão as gemas cozem), e vai-se mexendo sempre sem parar

- quando estiver tudo junto leva-se a mistura de novo ao lume, mexendo sempre até elas ganharem a espessura desejada.

 

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Bolinhas de chocolate e coco

- 100 gr de chocolate ou cacau (se for amargo tem que se deitar açúcar)

- 100 gr de coco

- 1 colher de sopa bem cheia de manteiga

- 2 colheres de sopa de café (diluído em agua a ferver)

- deitar todos os ingredientes numa tigela e amassar muito bem

- fazer bolinhas e coloca-las numa tigela com açúcar para elas ficarem polvilhadas

- por fim colocar as bolinhas em forminhas de papel, dispô-las num tabuleiro e coloca-las num tabuleiro

 

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Grego inventou 19 filhos para receber subsídios

Um ex-agente da polícia helénica foi detido na quarta-feira depois das Finanças terem finalmente percebido que o grego tinha reclamado indevidamente mais de 150.000 euros em subsídios de paternidade.

De acordo com a Associated Press, o homem de 54 tinha deixado o seu emprego na polícia em 2001 para viver exclusivamente do produto da fraude. Desde 1996 que falsificava documentos, acompanhados de fotografias de bebés retiradas da internet, para reclamar milhares de euros em subsídios. Estima-se que terá defraudado o Estado em pelo menos 150.000 euros, mas Atenas admite que o verdadeiro valor poderá ser superior.
As autoridades só detectaram o caso quando, ao abrigo das medidas de austeridade decretadas pela troika BCE-UE-FMI, procederam a uma listagem de todos os beneficiários de prestações sociais e descobriram que havia uma família com um número invulgar de filhos: 19, todos a cargo de um pai divorciado.
Após uma investigação, o infractor foi detido na quarta-feira quando se preparava para reclamar 8.000 euros numa repartição da segurança social grega.
O caso, apesar de extremo, não é inédito. Recentemente, as autoridades descobriram que um pequeno agricultor da ilha de Tassos amealhara uma pequena fortuna através de uma fraude semelhante. Oficialmente carenciado, era na verdade proprietário de um Porsche e de um Ferrari.

Fonte:http://sol.sapo.pt/

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Aumento da eletricidade não é só de 4%

A associação de defesa dos consumidores lembra que a fatura já foi agravada em 16 por cento, com a subida da taxa do IVA, em outubro, e sublinha que o Governo adiou a cobrança de mil milhões de euros, correspondente a cerca de 50 por cento dos Custos de Interesse Económico Geral (CIEG), mas que os consumidores terão de suportar estes custos mais tarde.

“Estes custos, resultantes de opções políticas e medidas legislativas para subsidiar o setor, já deveriam ter sido reduzidos, tal como exigiu a DECO e 170 mil assinantes da petição entregue na Assembleia da República em 2010”, reivindicou, num comunicado.

A DECO pede, por isso, “um plano concreto de redução dos CIEG com o objetivo de uma redução de 30 por cento desses custos até 2013”.

A associação considera que esta é a única maneira de reduzir a fatura de eletricidade e caminhar para a sustentabilidade do setor, salientando que a própria ‘troika’ recomendou uma revisão destes custos no memorando de entendimento assinado com o Governo.

“O Governo ignorou essa recomendação, embora tenha sido lesto a antecipar outra – a subida do IVA. É uma política de dois pesos e duas medidas, sempre desfavorável ao consumidor, que a DECO nunca poderá aceitar”, conclui o comunicado.

Fonte:http://noticias.sapo.pt/

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Golo de Danilo Santos vs Kashiwa Reysol (3-1)

 O Santos venceu o Kashiwa Reysol, por 3-1, e segue para a final do Mundial de Clubes, onde encontrará o vencedor da partida Al Sadd-Barcelona. Danilo, reforço do F.C. Porto a partir de Janeiro, jogou de início e marcou um golo. O lateral apresentou queixas e foi substituído aos 90 minutos.

 

Siga-nos também nas redes sociais :


Mission Impossible 4 - Ghost Protocol

 

Acusado do atentado terrorista ao Kremlin, o operacional do FMI Ethan Hunt é renegado bem como o resto da agência, quando o Presidente inicia a “Operação Fantasma". Sem recursos ou apoios, Ethan terá de encontrar uma forma de limpar o nome da agência e prevenir outro ataque. Para piorar a situação, Ethan é obrigado a embarcar nesta missão com uma equipa de colegas fugitivos do FMI, cujos motivos pessoais ele não conhece.

 

 

 
 

 

Siga-nos também nas redes sociais :